Sobre 3 Dias de Imersão no Futuro (que já está aí)

Sobre 3 Dias de Imersão no Futuro (que já está aí)

Na semana passada, eu tive a oportunidade de participar de dois grandes eventos: 1 dia no EdTech Conference e 2 do Singularity University Brasil Summit. Sempre foi meu sonho ter um contato mais aproximado com a atmosfera dessa universidade tão diferenciada. E foram muitos os aprendizados e pessoas que conheci.

Temos muitos problemas no Planeta pra resolver! A PARTE IMPORTANTE, TAMBÉM, É QUE NÓS, SIM, CONHECEMOS AS SOLUÇÕES!!!!

Elas precisam de muita colaboração entre países, estados, cidades e, claro, pessoas! Também precisam do pensamento coletivo. Pensar, estimular, facilitar, incentivar o transporte coletivo, a geração de energia coletiva, o cuidado com o lixo coletivo, o conviver que tem se perdido, principalmente nas grandes metrópoles (parece que quando mais gente menos interagimos com gente!) e por aí vai.

Precisamos reconhecer a Abundância! Nunca tivemos tantas soluções em todas as áreas! Saúde, educação, segurança, transporte… Agora nos falta democratizar tudo isso! Fazer com que tudo isso chegue às mãos das bilhões de pessoas! Um dos pontos que mais me chamou a atenção foi a questão do Ensino Público. Precisamos todos olhar pra isso.

88% dos brasileiros estão nas escolas públicas e, logicamente, elas estão direcionando o futuro do nosso Brasil.

Se continuarmos com o ensino de poucas possibilidades, num modelo antiquado, com professores mal remunerados e mal preparados, nossos jovens sairão sem muitas possibilidades. Consequentemente, nosso país não será diferente. Jamais! O alerta vermelho para o ensino já está piscando, e faz muito tempo. Não é mais importante. É urgente!

Nós necessitamos que as pessoas pensem no Impacto Positivo que querem deixar por onde passarem!

A tecnologia tem avançado cada vez mais, e nos surpreende a cada dia. E podemos iniciar esta transformação pelas chamadas soft skills, as quais precisamos estimular e desenvolver nas pessoas. Competências como: flexibilidade, multidisciplinaridade, resiliência, coragem, liderança, gestão de prioridades, equilíbrio emocional, equilíbrio da vida como um todo, tomada de decisão, colaboração, comunicação, relacionamentos interpessoais…

E por que não iniciar nos nossos ambientes empresariais? Que tal nós, empresários, independentemente do tamanho e da localização, incorporarmos em nossos indicadores coisas como:

  1. Impacto Positivo no Ambiente em que Atuamos (ecossistema)
  2. Empoderamento das Pessoas
  3. Colaboração entre as pessoas/áreas/concorrentes
  4. Legado
  5. Experiência do Cliente

Faz tempo que as empresas deixaram de ser somente pequenos ecossistemas isolados com foco em produzir algo e, com esse algo, gerar algum lucro. Esse modelo capitalista focando em somente produção e lucratividade está deixando de existir.

Nossas empresas são oportunidades de, além de gerarmos riqueza para acionistas e colaboradores, transformarmos pessoas.

Trabalhar pode ser bem mais do que um modo de ganhar a vida. Pode ser um modo de vida e de transformação e evolução.

E você? Está preparado para o Futuro do Trabalho?