O Coaching é um processo que desperta o potencial interno das pessoas por meio do autoconhecimento e de diversas ferramentas que desenvolvem novas competências e aprimoram as já existentes.

São necessários três componentes básicos para que o processo seja realizado: o primeiro componente é o Coach, que é um profissional especialista e que deve estar devidamente habilitado para realizar o processo de Coaching. Outro componente fundamental é o coachee, que é o cliente do Coaching. É ele o maior responsável pelo sucesso de todo o processo, uma vez que ao Coach caberá apenas encontrar os meios adequados para que o potencial e as competências já existentes do coachee sejam colocadas em prática em prol dos objetivos que pretende alcançar.

E o objetivo do processo é justamente o terceiro componente necessário ao processo de Coaching. O objetivo do processo é a declaração formal do estado desejado, ou estado futuro, que o Coachee deseja alcançar com o processo. É fundamental que o Coachee deixe o seu estado desejado bem claro para o Coach, pois é com foco no estado desejado que o processo de Coaching é executado.

Como funciona o processo de Coaching?

O processo de Coaching consiste geralmente em doze encontros semanais nos quais o Coach e o coachee se encontrarão em sessões individuais. Não é obrigatório que as sessões sejam individuais ou que tenham a quantidade de encontros mencionada acima. Mas, como o Coaching parte da premissa que as pessoas são diferentes e diferentes então são suas competências e seus objetivos, faz mais sentido que cada processo seja individualizado.

Tendo isso em vista, o processo de Coaching deverá ser flexível e customizado para cada coachee. Partindo deste princípio, o Coach e o coachee criam um planejamento cuja execução deverá resultar no alcance do estado desejado pelo coachee. Durante o processo de Coaching, este planejamento é criado, colocado em prática e o Coach acompanha a sua execução para garantir que seja mantido o foco no alcance do estado desejado.

O Coach não diz ao coachee o que deve ser feito. Por meio de perguntas, o Coach estimula o coachee à reflexão contínua para que ele próprio encontre as respostas para os seus questionamentos e assim faça as melhores escolhas. Outro aspecto importante para que o coachee alcance seu estado desejado é que ele transforme seu potencial em resultado, pois embora as pessoas tenham competências diversas, muitas vezes há fatores limitantes ou sabotadores que fazem com que o coachee não realize seu potencial com toda plenitude. Em termos práticos, o estado desejado acaba sendo alcançado somente quando o potencial é transformado em resultado.

O processo de Coaching também parte do princípio que acreditar é sempre o melhor caminho para o sucesso. Assim, há aspectos comportamentais importantes que são tratados no processo, pois o Coaching age em prol do desenvolvimento das pessoas para que elas conquistem resultados extraordinários. Então é importante que o coachee entenda que se o seu estado desejado estiver relacionado a sua carreira, fatores como alegria e motivação são indispensáveis para que ele tenha realização profissional, realize resultados extraordinários e alcance o seu estado desejado.

Deixe uma resposta